Peroba do Norte

Muiracatiara 

Cedrinho 

Garapeira 

Pinus 

Nome científico: Goupia glabra

Características sensoriais: cerne e alburno indistintos pela cor, castanho-avermelhado; superfície sem brilho; cheiro perceptível, desagradável, gosto imperceptível; densidade alta; grã irregular; textura média.

Trabalhabilidade: a madeira de cupiúba é fácil de trabalhar com ferramentas manuais ou com máquinas. É fácil de serrar, aplainar, tornear, colar e parafusar. O uso de pregos sem furação pode provocar rachaduras. Recebe bom acabamento. (Jankowsky,1990) Aceita bem a colagem mas não é adequada para a fabricação de compensados, por apresentar rachaduras na tora. Boa aceitação de tinta, verniz, emassamento e polimento. (IBAMA,1997a

Secagem: a secagem ao ar é lenta, sem a ocorrência de sérios defeitos como rachaduras ou empenamentos. Na secagem em estufa apresenta ligeira incidência de defeitos. (Jankowsky,1990

Durabilidade natural: em ensaios de laboratório a madeira de cupiúba demonstrou ter alta resistência ao ataque de organismos xilófagos (fungos e cupins). (IPT,1989a) Apresenta resistência a fungos apodrecedores (podridão branca e parda) e cupins-de-madeira-seca, entretanto não é resistente aos xilófagos marinhos. (Chudnoff,1979;IBAMA,1997a) Estudo realizado pela (SUDAM/IPT,1981) verificou que a durabilidade desta madeira é superior a 12 anos de serviço em contato com o solo. 


Fonte: IPT - Instituto de pesquisas Tecnológicas.  http://www.ipt.br/informacoes_madeiras3.php?madeira=11



Nome científico: Astronium lecointei Ducke, Anacardiaceae.

Características sensoriais: cerne e alburno distintos pela cor, cerne variável do bege-rosado ao castanho-escuro-avermelhado, com estrias mais escuras; brilho moderado; cheiro e gosto imperceptíveis; densidade alta; dura ao corte; grã irregular; textura média.

Trabalhabilidade: A Madeira de muiracatiara é fácil de ser trabalhada e permite excelente acabamento. Recebe bem pintura e verniz. (Jankowsky,1990

Secagem: Na secagem ao ar a Madeira de muiracatiara apresenta problemas de empenamentos e rachaduras. Se a secagem artificial for muito drástica, poderão ocorrer rachaduras profundas e endurecimento superficial.  (Jankowsky,1990

Durabilidade natural: A Madeira de muiracatiara é muito durável, não sendo atacada por insetos ou cupins de Madeira seca. (IBAMA,1997a) Em ensaios de campo, demonstrou durabilidade natural inferior a sete anos. (IPT,1989a) Em ambiente marinho, foi intensamente atacada por organismos perfuradores. (Lopez,1982 


Fonte: IPT - Instituto de pesquisas Tecnológicas.  http://www.ipt.br/informacoes_madeiras3.php?madeira=45





Nome científico: Erisma uncinatum Warm

Características sensoriais: cerne e alburno distintos pela cor, cerne castanho avermelhado; sem brilho; cheiro e gosto imperceptíveis; densidade baixa; grã direita a revessa; textura média a grossa.

Trabalhabilidade: a Madeira de cedrinho é fácil de aplainar, serrar e lixar, mas apresenta superfície de acabamento ruim (felpuda). (IBAMA,1997a

Secagem: a secagem ao ar é fácil e sem a ocorrência significativa de defeitos. A secagem em estufa também é rápida, mas em condições muito drásticas podem ocorrer empenamentos, rachaduras e endurecimento.

Durabilidade natural: a Madeira de cedrinho apresenta baixa durabilidade ao ataque de organismos xilófagos (fungos e insetos). (IPT,1989a 


Fonte: IPT - Instituto de pesquisas Tecnológicas.  http://www.ipt.br/informacoes_madeiras3.php?madeira=9
















Nome científico: Apuleia leiocarpa 

Características sensoriais: cerne e alburno distintos pela cor, cerne variando de bege-amarelado a castanho-amarelado; superfície lustrosa e lisa ao tato; cheiro e gosto imperceptíveis; densidade média; dura ao corte; grã revessa; textura média.

Trabalhabilidade: A Madeira de garapa é fácil de ser trabalhada desde que se use ferramentas apropriadas devido à presença de sílica; porém cola bem e proporciona bom acabamento (Jankowsky,1990)

Secagem: É difícil de secar ao ar. A secagem deve ser lenta e bem controlada para evitar alta incidência de defeitos (Jankowsky,1990

Durabilidade natural: o cerne apresenta resistência moderada ao ataque de fungos apodrecedores e alta resistência ao cupim-de-Madeira-seca. Em ensaio laboratorial, esta Madeira foi considerada resistente aos fungos apodrecedoresGlocophyllum trabumCoriolus versicola e Poria monticola. Em ensaio de campo, com estacas em contato com o solo, esta Madeira apresentou vida média inferior a 9 anos  (Fosco Mucci et al.,1992)

 Fonte: IPT - Instituto de pesquisas Tecnológicas.   http://www.ipt.br/informacoes_madeiras3.php?madeira=35














Nome científico: Pinus elliottii Engelm.

Características sensoriais: cerne e alburno indistintos pela cor, branco-amarelado, brilho moderado; cheiro e gosto distintos e característicos (resina), agradável; densidade baixa; macia ao corte; grã direita; textura fina.

Trabalhabilidade: a Madeira de pinus-eliote é fácil de ser trabalhada. É fácil de desdobrar, aplainar, desenrolar, lixar, tornear, furar, fixar, colar e permite bom acabamento. (IPT,1989b)

Secagem: a Madeira é fácil de secar. (IPT,1989b

Durabilidade natural: observações feitas pelo IPT complementadas por ensaios de laboratório, permItem considerar esta Madeira como susceptível ao ataque de fungos (emboloradores, manchadores e apodrecedores), cupins, brocas-de-Madeira e perfuradores marinhos. 

 Fonte: IPT - Instituto de pesquisas Tecnológicas.   http://www.ipt.br/informacoes_madeiras3.php?madeira=7

 © 1993-2015 Madenorte Madeiras - Todos os direitos reservados. 

Rua Igaratá, 925 - Jardim Mollon - Americana - SP. Fone:(19) 3461-2206. Email: contato@madeireiramadenorte.com.br